nnn

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

MEU ALFABETO


Perdi-me uma vez
Com as letras do alfabeto.
Fiquei desnorteado
Com a palavra Amor.
Na letra B
Ficou saudades
Do último Beijo
Se o C, não me identificasse
Por completo: CRISTIANO
Correria...
Deixei Dia-a-dia
A vida numa Dedução.
Mas, o D marcou profundamente...
Com um Doce amigo
Com a vogal E
Saiu Energia, Efervescência
Era Enigmático
O E foi e o E voltou
Mas, nenhum deles ficaram...
Acho que Errei...
Ainda bem que um deles
Foi verdadeiramente Elegante!
O F, ficou apenas Fantasiado
Agora,
Ganhei mais uma chance:
a de gerar o meu Hoje...


Crisjoli Fingal -Cotidiano-(crisjoli.blogspot.com)

Notícia para hoje...
Ignácio de Loyola Brandão - Meu querido 'menininho que vendia palavras' está lançando seu 34º livro: "Você é jovem, velho ou dinossauro", pela Global Editora. Ignácio é cronista do Estado de S. Paulo há 16 anos e também colaborador da revista Vogue. Vai falar sobre seus hábitos de escritor madrugador e propor alguns testes para saber como anda a memória do telespectador.
Postar um comentário